PREVISAO DO TEMPO

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Brigada volta à mesa de negociação

A Associação dos Sargentos, Subtenentes e Tenentes da Brigada Militar espera ser chamada ainda este mês pelo governo Tarso Genro para discutir reajuste salarial. O presidente da entidade, Aparício Santellano, diz que o pedido de audiência foi protocolado. Ele afirma que sargentos e tenentes foram os menos favorecidos pelos reajustes propostos pelo governo em 2011 e avisou que novas faixas de protesto serão colocadas em todo o Estado para cobrar salários melhores.

Em dezembro, os oficiais da BM aceitaram reposição de 10%, com abono de R$ 400 para capitães. Em setembro, o governo ofereceu aumento de 23,5% sobre o salário básico dos soldados, 18% para sargentos e 11% aos tenentes. As últimas duas categorias não aceitaram, ficando com índice de reajuste de 3,5% em janeiro e 4% em abril. Segundo Santellano, 90% das unidades da Brigada Militar em pequenas e médias cidades são comandadas por sargentos ou tenentes. 


Fonte: Correio do Povo 05jan2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário