PREVISAO DO TEMPO

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Regime de urgência preocupa PP

Bernardi disse que Tarso enviou 138 projetos em regime de urgência<br /><b>Crédito: </b> cristiano estrela
Bernardi disse que Tarso enviou 138 projetos em regime de urgência
Crédito: cristiano estrela
O presidente estadual do PP, Celso Bernardi, acusou o PT ontem de abusar do uso do artifício do regime de urgência para aprovar projetos sem discussão no parlamento gaúcho. Para ele, o governador Tarso Genro mudou sua forma de pensar, pois sempre se declarou contrário ao caráter de urgência. "Não corresponde com um governo que tanto prega a transparência. É uma fato negativo na administração de Tarso", atacou. Ao todo, foram enviados 138 projetos em regime de urgência, contra 38 de Yeda e 55 de Rigotto no primeiro ano de seus mandatos.

Bernardi apresentou, na sede do partido, um relatório de avaliação do primeiro ano de governo de Tarso Genro. As principais críticas foram direcionadas às questões de educação e contratações. Ele também destacou que as práticas adotadas até agora no governo são muito distintas das promessas que haviam sido feitas na campanha.

O progressista apontou que este ano 51 projetos foram enviados à Assembleia pelo governo, referentes à criação de cargos em comissão, funções gratificadas, contratações emergenciais e prorrogações de contratos em regime emergencial, totalizando quase 38 mil empregos.
 
Fonte: Correio do Povo 23dez2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário