PREVISAO DO TEMPO

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Fiscalização compromete voos


 Policiais federais verificaram bagagens e passageiros com maior rigor<br /><b>Crédito: </b>  vinícius rorattoPoliciais federais verificaram bagagens e passageiros com maior rigor

Crédito: vinícius roratto

Passageiros enfrentaram filas e confusão no início da manhã de ontem no Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre. Em greve desde a semana passada, agentes da Polícia Federal retomaram a operação padrão e fiscalizaram com maior rigor bagagens e clientes de companhias aéreas. O trabalho, que normalmente é feito por amostragem, atrasou os procedimentos e muitas pessoas perderam o voo. "Não há pessoal nem estrutura para fazer esse trabalho, que deveria ser realizado sempre para a segurança da população", afirmou o secretário-geral do Sindicato dos Policiais Federais do Estado, Marco Aurélio Castro.

Segundo ele, apenas quatro agentes se revezam no Salgado Filho, quando o número ideal seria, no mínimo, 15. Ontem, o efetivo foi de 20 homens, deslocados da superintendência. Devido à revista minuciosa, encontraram munição em bagagem de mão.

A ação buscou chamar a atenção do governo para reivindicações da categoria, que pede reajuste e melhores condições de trabalho. O Ministério do Planejamento informou que apresentará contraproposta terça-feira. A operação ocorreu ainda em oito pontos de fronteira, em Chuí, Jaguarão, Bagé, Livramento, Uruguaiana, São Borja, Porto Mauá e Porto Xavier, e em portos.

Fonte: Correio do Povo 17ago2012



Nenhum comentário:

Postar um comentário