PREVISAO DO TEMPO

sábado, 1 de setembro de 2012

Direito de greve em discussão

O advogado-geral da União, Luis Inácio Adams, disse ontem que o governo não se sentiu acuado em nenhum momento com o prolongamento do movimento grevista ao longo das últimas semanas. "Houve greves intensas, mas o governo soube responder em todos os momentos em que as coisas ultrapassavam o limite do razoável", disse.

Adams voltou a defender a regulamentação da legislação sobre greve. "Temos uma lei que deve ser adaptada. Acredito que esse assunto deve ganhar força no Congresso. Ter uma lei que seja capaz, de um lado garantir o direito de greve, mas fundamentalmente garantir o direito da população. Não é possível que o direito de greve se sobreponha ao direito das pessoas em geral." 

Fonte: Correio do Povo 1set 2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário