PREVISAO DO TEMPO

domingo, 24 de junho de 2012

Governos rejeitam mudar teto

Vários governadores de Estado foram unânimes ao criticar a ideia de acabar com o teto salarial do funcionalismo, como prevê projeto de emenda constitucional (PEC) em tramitação na Câmara. A maioria, porém, foi reticente ao responder se pretende mobilizar suas bancadas no Congresso para barrar a proposta, como quer o Ministério da Fazenda.

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, lembrou que a criação, em 2003, de limite para os salários públicos foi avanço administrativo. "Acho que será uma pena se for retirado um dos poucos instrumentos que realizaram uma reforma administrativa", afirmou. O governador do Rio, Sérgio Cabral, em nota, afirmou que "o quadro internacional que influencia a economia e, consequentemente, as finanças públicas exige cautela por parte dos gestores públicos. Não é hora de expansão de gastos correntes".
 
Fonte: Correio do Povo 24junho2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário